Vendas de Veículos | Janeiro-Maio 2020

A pandemia de coronavírus continua a impactar severamente o mercado nacional de veículos. Em maio os emplacamentos mostraram discreta recuperação sobre abril, mas seguiram em forte retração na comparação com o mesmo mês e os mesmos cinco meses de 2019, segundo dados do Renavam (Registro Nacional de Veículos Automotores) consolidados pela Fenabrave (associações dos distribuidores autorizados).

Os licenciamentos de automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus somaram 62.197 veículos zero-quilômetro em maio, número que representa alta de 11,6% sobre abril passado, mas queda de 74,6% na comparação com o mesmo mês de 2019. No acumulado de janeiro a maio, os quase 676 mil emplacamentos registrados estão 37,7% abaixo do resultado verificado no mesmo período de 2019.

Os números de emplacamentos seguiram afetados pelo fechamento da maior parte dos Detrans no mês, incluindo São Paulo, o maior mercado do País. Por isso as vendas reais são maiores, com muitos veículos vendidos e ainda não emplacados, ainda que o desempenho seja bastante inferior na comparação com níveis pré-pandemia.


Matéria relacionada
Vendas de maio seguem sufocadas pela pandemia


Clique aqui para fazer o download do documento completo

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.