Vendas de veículos usados | 1º bimestre de 2020

A venda de veículos usados no primeiro bimestre teve 1,73 milhão de unidades, 2,1% a menos que em igual período de 2019. O número inclui veículos leves e pesados. A cada veículo novo vendido, 3,3 usados foram negociados. Os automóveis e comerciais leves usados tiveram 1,68 milhão de unidades vendidas no bimestre, recuando 1,8% ante o ...

Desempenho dos importadores | Janeiro a Fevereiro 2020

Os 15 importadores de veículos associados à Abeifa somaram no primeiro bimestre de 2020 vendas de 5.075 unidades, número que representa pequena alta de 2,1% sobre os mesmos dois meses de 2019. Com 2.668 emplacamentos só em fevereiro, o crescimento foi bem maior na comparação com o mesmo mês do ano passado (+6,8%) e também sobre ...

Vendas de veículos | 1º bimestre 2020

O mercado de veículos apresentou leve queda de 1% nas vendas do primeiro bimestre em comparação com mesmo período do ano passado. O menor número de dias úteis em fevereiro por conta do feriado de carnaval puxou os números para baixo. No entanto, a média diária de vendas cresceu 26% no mês: isso significa que ...

Desempenho da indústria de pneus | Janeiro de 2020

A venda de pneus em janeiro somou 4,4 milhões de unidades, anotando pequena queda de 2% em relação ao mesmo mês do ano passado. A retração decorre de menores volumes vendidos às montadoras (-3,3%) e ao mercado de reposição (1,5%). A análise por segmento veicular mostra que os pneus de carga foram os mais afetados ...

Balança comercial | Janeiro de 2020

A balança comercial de autopeças começou 2020 com déficit de US$ 522,8 milhões. O valor é 11,8% mais alto que o anotado em janeiro do ano passado e decorre de expressiva queda nas exportações. O Brasil enviou em janeiro US$ 390,6 milhões em componentes, valor 23,6% menor pela comparação interanual. O déficit foi atenuado pelo ...

Desempenho do setor de motos | Janeiro de 2020

A produção de motos começou 2020 aquecida, com 100,3 mil unidades fabricadas em janeiro e alta de 19,5% sobre o mesmo mês do ano passado. O crescimento seria uma forma de compensar a falta de produtos de baixa cilindrada nas concessionárias neste início de ano. Como consequência, as vendas no atacado (das fábricas para a ...

mais recentes